Auditoria que Apurou a Suscetibilidade das Organizações Públicas do Estado de Mato Grosso do Sul a riscos de Fraude e Corrupção terá Relatório apreciado.

A equipe integrada contou com a participação de nove auditores. Foram avaliadas 282 organizações públicas do estado, sendo 68 federais, 16 estaduais e 198 municipais. O montante de recursos fiscalizados ultrapassou R$ 27 bilhões.

Continuar lendo Auditoria que Apurou a Suscetibilidade das Organizações Públicas do Estado de Mato Grosso do Sul a riscos de Fraude e Corrupção terá Relatório apreciado.

Metodologia de Apuração do Grau de Aderência das Organizações Públicas a Práticas de Combate à Fraude/Corrupção do Referencial do TCU.

O trabalho de apuração do grau de aderência das organizações a práticas de combate à fraude e corrupção tem por objetivo conhecer a adequação das organizações públicas a práticas de combate à fraude e corrupção, de forma a subsidiar o direcionamento dos trabalhos de auditoria e futuras ações de controle, além de propor melhorias a essas organizações no sentido de adoção de boas práticas de prevenção, detecção, investigação, correção e monitoramento, no combate à fraude e à corrupção.

Continuar lendo Metodologia de Apuração do Grau de Aderência das Organizações Públicas a Práticas de Combate à Fraude/Corrupção do Referencial do TCU.

Modelo de trabalho desenvolvido no IFPB – Instituto Federal da Paraíba gera resultados que auxiliam auditoria que classifica riscos de fraude e corrupção.

Em 2018, desenvolvemos três grandes trabalhos para a Corte de contas mais importante desse país. Motivos de orgulho e sentimento de dever cumprido. Fomos citados por 3 (três) vezes em acórdãos do TCU, o nosso trabalho, que nasceu aqui na Paraíba, ganhou o país inteiro e hoje é uma referência por onde passa.

Continuar lendo Modelo de trabalho desenvolvido no IFPB – Instituto Federal da Paraíba gera resultados que auxiliam auditoria que classifica riscos de fraude e corrupção.

Estamos em Festa | 1 Ano de Blog

Para nós, ser contador público é ser um profissional responsável por assessorar os gestores públicos na tomada de decisões, auxiliar os órgãos de controle externo no combate a fraudes e corrupção, e zelar pela eficiência, eficácia e efetividade dos gastos públicos da organização. Diante desse olhar, durante o ano de 2018, apresentamos aos nossos leitores assuntos dos mais variados temas, como, por exemplo:

Continuar lendo Estamos em Festa | 1 Ano de Blog

TCU divulga mapa de risco de exposição à fraude e corrupção na administração pública.

No decorrer de 2018, o TCU promoveu auditoria operacional para avaliar se os controles de prevenção e detecção relacionados a fraude e corrupção de órgãos e instituições do Poder Executivo Federal estão compatíveis com seus poderes econômico e de regulação, bem como propor melhorias em práticas específicas, com o intuito de eliminar ou mitigar causas sistêmicas.

Continuar lendo TCU divulga mapa de risco de exposição à fraude e corrupção na administração pública.

Análise das demonstrações contábeis como técnica de mapeamento da suscetibilidade a fraudes e corrupção.

A realidade mostra que praticamente qualquer organização, como órgão, autarquia, empresa pública, sociedades de economia mista, parcerias público-privadas, fundações, organizações sociais, fundos de pensão, etc., está sob o risco de fraude e de corrupção, bastando para tal a existência de recursos públicos disponíveis para atrair a cobiça dessas máfias.

Continuar lendo Análise das demonstrações contábeis como técnica de mapeamento da suscetibilidade a fraudes e corrupção.